Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Educação

Tudo sobre a educação em Portugal

Tudo sobre a educação em Portugal

Educação

08
Fev12

Governo: Novas Oportunidades de Coimbra, Lisboa e Faro fecharam por fracos resultados

adm

A secretária de Estado do Turismo, Cecília Meireles, explicou hoje no Parlamento que os Centros de Novas Oportunidades de Coimbra, Lisboa e Faro foram encerrados devido aos fracos resultados que estavam a obter.

"Do ponto de vista da certificação escolar, dos 6.834 inscritos no centro do Algarve, apenas 2.089 foram certificados", disse a governante.

Cecília Meireles falava na comissão parlamentar de Economia e Obras Públicas, onde está hoje a ser ouvida a pedido do PS para esclarecer aqueles encerramentos.

A secretária de Estado alegou ainda que os Centros de Novas Oportunidades "não tinham relação direta com o turismo" para justificar o seu encerramento.

"Os centros tinham certificação escolar e profissional. A escolar era esmagadoramente a maioria: no Algarve, dos 400 inscritos no ano passado, 343 obtiveram a certificação escolar", disse.

Cecília Meireles frisou ainda que existem no país 16 escolas de turismo e hotelaria, que estão sob a tutela do Turismo de Portugal porque "têm vocação e competências muito específicas".

Os Centros de Novas Oportunidades oferecem um projeto educativo alternativo ao ensino regular de conclusão do ensino obrigatório, bem como de Sistemas de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências (RVCC) para jovens e adultos, Cursos de Educação e Formação (CEF) para mais de 15 anos, Cursos de Educação e Formação de Adultos (EFA) a partir dos 18 anos, o Sistema RVCC Escolar, também a partir de 18 anos, e ainda as Formações Modulares.

O Governo anunciou que vai manter até agosto 301 dos 430 Centros de Novas Oportunidades existentes, garantindo aos formandos concluir os seus processos de certificação.

Até ao final de 2011 foram encerrados 20 dos 450 equipamentos da rede de Centros Novas Oportunidades, tendo sido abertas a 15 de novembro as candidaturas ao financiamento para abranger o período de janeiro a agosto de 2012, com as regras e critérios que têm sido utilizados.

fonte:http://www.dinheirovivo.pt/E

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Politica de privacidade

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D