Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Educação

Tudo sobre a educação em Portugal

Tudo sobre a educação em Portugal

Educação

08
Set13

Ensino Superior vai receber menos de 40 mil estudantes

adm

Pelo terceiro ano consecutivo diminuiu o número de estudantes que ingressam no Ensino Superior. Este ano, entraram 37 415 alunos - o número mais baixo desde 2006, último ano da década em que entraram nas instituições menos de 40 mil na primeira fase do concurso de acesso. Resultado: 93% dos candidatos já ficaram colocados.


Recorde-se que desde 2010 também desce o número de candidatos e de vagas disponíveis. Em sentido oposto, o de vagas sobrantes não para de aumentar - este ano sobram para a segunda fase 14 176 vagas, sendo que 72,5% desses lugares são em institutos politécnicos.

A taxa de ocupação só não desceu, aliás, nas escolas superiores de Enfermagem de Porto, Lisboa e Coimbra e na de Hotelaria e Turismo do Estoril que já preencheram a totalidade das vagas. De resto, tanto universidades como politécnicos perderam alunos. A segunda fase do concurso arranca amanhã e termina dia 20, sendo os resultados divulgados a 26.

A nova queda no número de colocados não surpreende o presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP). António Rendas considera que as universidades e o Governo (que ainda não aprovou o estatuto do estudante estrangeiro proposto pelo CRUP) deviam olhar para a captação de alunos internacionais como uma oportunidade para contornar a quebra da "procura interna". Mas, o que mais preocupa o também reitor da Universidade Nova de Lisboa é o novo corte orçamental previsto para o Ensino Superior em 2014.

"O ano letivo está a começar, pelo que é bom termos a certeza do que podemos contar", frisa, considerando que seria "um suicídio" para o país "enfraquecer" ainda mais as instituições de Ensino Superior.

Algarve volta a ser a universidade com mais lugares para a segunda fase (735). Mas as vagas sobrantes quase duplicaram na Técnica de Lisboa, de 208 para 403. O politécnico de Bragança lidera esta lista - tem 1420 vagas sobrantes para a segunda fase, tendo preenchido apenas 23% dos lugares abertos. A Universidade do Porto preencheu 97% das vagas, Nova de Lisboa e ISCTE 92%. Entre os politécnicos, o Porto volta a ser o que mais preenche os lugares, 81%, seguido de Lisboa (68%) e Coimbra (65%).

Face à descida da procura, subiu o número de alunos que conseguiu entrar na sua primeira opção - foram 60% dos candidatos, tendo 91% conseguido ingressar numa das três primeiras opções.

Medicina lidera médias

Já é um dado histórico: as médias de ingresso em Medicina voltam a liderar. As mais altas são novamente na Universidade do Porto e no Instituto Abel Salazar com 18,1 e 18 valores, respetivamente. Na universidade do Minho, o último a entrar teve 17,9 e na de Coimbra 17,7.

Em termos genéricos, no entanto, as médias dos últimos alunos a entrar no Ensino Superior desceram ligeiramente, refletindo os resultados dos exames nacionais do Ensino Secundário.

Ainda assim, em 93 cursos, a média do último aluno a entrar foi igual ou superior a 15 valores - sete deles são os de Medicina, mas também há os casos, por exemplo, de Engenharia Aeroespacial (17,6) ou Engenharia Física, ambas no Instituto Superior Técnico (UTL); Línguas e Relações Internacionais, no Porto (17,6) ou Design de Comunicação (17,6), na Universidade de Lisboa. No lado oposto desta listagem, em 14 cursos a média do último aluno foi de 9,5 valores. Casos de Marketing ou Tecnologias e Sistemas de Informação, na Universidade da Beira Interior, ou de Enologia e Teatro e Artes Performativas, na Universidade de Trás-os-Montes.

 

fonte:http://www.jn.pt/


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Politica de privacidade

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D