Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Educação

Tudo sobre a educação em Portugal

Tudo sobre a educação em Portugal

Educação

22
Mai11

Alunos de sete anos também vão ter provas de Língua Portuguesa e Matemática

adm

No próximo mês, os alunos de sete anos vão realizar duas provas de âmbito nacional. É a primeira vez, nas últimas décadas, que este tipo de avaliação será aplicado a crianças tão novas, mas, à semelhança do que acontece noutros níveis de ensino, a realização dos chamados testes intermédios tem um carácter facultativo.

 

São as escolas que decidem se querem ou não que os seus alunos os realizem e a que disciplinas. Segundo o Ministério da Educação (ME), para a realização dos testes do 2.º ano inscreveram-se cerca de 650 escolas e agrupamentos. Ontem foi aberto um período de inscrição suplementar, que se prolongará até ao próximo dia 23. No 3.º ciclo e secundário, estes testes têm sido realizados em mais de 1700 escolas.

Ao contrário do que acontece nestes níveis, não serão atribuídas notas aos testes de Língua Portuguesa e Matemática que os alunos do 2.º ano do ensino básico irão realizar nos dias 3 e 8 de Junho. Estes testes irão proporcionar às escolas "uma informação exclusivamente de natureza qualitativa que será partilhada com os encarregados de educação", informou o ME em resposta a questões do PÚBLICO. 

Segundo o ministério, a sua realização "tem como principal finalidade um diagnóstico precoce das dificuldades dos alunos", e poderão, por isso, vir a ser "uma importante ferramenta na prevenção do insucesso no final do 1.º ciclo do ensino básico". Neste nível de ensino, é no 2.º ano que os alunos mais chumbam. Em 2009, último período com informação disponível, a taxa de retenção entre os estudantes de sete anos foi de 6,9 por cento. No 4.º ano, que é o final do 1.º ciclo, desceu para 3,7 por cento. 

Evitar colagem aos exames

Os resultados dos testes intermédios deverão "contribuir para uma intervenção pedagógica e didáctica mais eficaz nos 3.º e 4.º anos de escolaridade" e influenciar já a preparação do próximo ano lectivo, "dado que permitirão orientar e regular as aprendizagens dos alunos", acrescentou o ministério. Terão, no total, 90 minutos de duração, embora este período seja dividido em duas partes de 45 minutos, separadas por meia hora de intervalo.

Os chamados testes intermédios são elaborados pelo Gabinete de Avaliação Educacional, o organismo do ME que é responsável pelos exames, e começaram a ser aplicados há cinco anos no ensino secundário. A partir de 2007/2008, também começaram a ser realizados pelos alunos do 8.º e 9.º ano do 3.º ciclo do ensino básico. A construção dos testes é similar à dos exames nacionais a que os estudantes são sujeitos no final do 9.º, 11.º e 12.º ano. Um dos seus objectivos, segundo o Gave, é precisamente o de os alunos se "familiarizarem progressivamente" com aqueles instrumentos de avaliação.

Para a presidente da Associação de Professores de Matemática, Elsa Barbosa, esta é uma "colagem" que de todo deve ser evitada no 2.º ano do 1.º ciclo. "Os testes neste ano poderão ser uma mais-valia se forem encarados exclusivamente do ponto de vista formativo, tanto pelos professores como pelos alunos", defende. Nesta perspectiva, acrescenta, os docentes terão a possibilidade de contar com um ponto de situação sobre as estratégias desenvolvidas em sala de aula e, com base nos resultados, "poderão melhorar o que não está bem". No caso da Matemática poderão ser particularmente úteis, uma vez que os docentes do ensino básico começaram recentemente a implementar um novo programa, que só foi generalizado a todas as turmas este ano.

Segundo Elsa Barbosa, os testes poderão também ser um instrumento de preparação para as provas de aferição que os alunos realizam no 4.º ano. Estas provas, que começaram a ser implementadas em 1999, são obrigatórias, mas não contam para a nota final do aluno. 

fonte:http://www.publico.pt/

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Politica de privacidade

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D