Raparigas superam rapazes em todos os anos

Eles até conseguem superá-las por escassas décimas nas médias de alguns exames como Matemática (no 1.º, 2.º e 3.º ciclos), História A, Física e Química e Geografia A, no Secundário, mas elas são melhores nas classificações à frequência e batem-nos nas médias gerais, em todos os anos, no ensino privado ou público.

Comecemos pelos mais novos. Tanto no Primeiro Ciclo, como no 6.º ou 9.º ano, eles só as conseguem superar nas médias dos exames de Matemática. De resto, elas dominam as notas internas dadas pelas escolas, os exames de Português e acabam por conseguir melhores médias gerais. Por exemplo, no Segundo Ciclo, elas conseguiram uma média nos dois exames de 51,99, e eles 49,57. É, aliás, a prestação delas a Português neste ciclo que permite uma média geral positiva nas provas. É que elas tiveram uma média de 54,63 e eles de 49,22.

No Secundário, elas estão em maioria e batem-nos nas classificações internas das oito disciplinas com mais alunos inscritos em exame. Mas nas provas, eles devem conseguir manter-se mais calmos porque as conseguem ultrapassar nas médias de História, Física e Geografia.

fonte:http://www.jn.pt/D

publicado por adm às 18:38 | comentar | favorito