453 cursos sem alunos colocados na 3ª fase

Dos quase 1.100 cursos do ensino superior público, 846 abriram vagas para a 3ª fase do concurso de acesso, mas 453 não tiveram qualquer aluno colocado, revelou hoje a Direção-Geral do Ensino Superior (DGES).

As áreas de engenharias continuam a sobressair entre aquelas que não têm qualquer aluno colocado, à semelhança do que aconteceu nas duas fases precedentes do concurso nacional de acesso ao ensino superior público, de acordo com os dados da DGES.

 

Cursos de áreas científicas ou tecnologias da informação são outros exemplos em destaque entre as opções de formação superior que não colocaram qualquer aluno na 3ª fase do concurso.

Sociologia e Administração Pública (em regime pós-laboral), na Universidade de Lisboa, Desporto e Atividade Física, no Instituto Politécnico de Castelo Branco, Informática e Contabilidade e Fiscalidade, no Instituto Politécnico de Santarém, e Marketing, no Instituto Politécnico de Viseu, foram os cursos que registaram a média de acesso mais baixa na 3ª fase do concurso (9,5 valores).

Física, na Universidade do Minho, registou a média de acesso mais alta (19,1 valores). Apesar das 22 vagas disponíveis para o curso de Física da Universidade do Minho nesta fase do concurso, apenas se registou uma entrada.

Os resultados da 3ª fase do concurso nacional estão disponíveis noportal da DGES, desde a meia-noite de hoje.

Os alunos colocados devem agora matricular-se até 15 de outubro.

 

fonte:http://www.dinheirovivo.pt/E

publicado por adm às 13:02 | comentar | favorito