Ministro quer repensar oferta do ensino superior

O ministro da Educação diz que é preciso repensar a oferta de cursos superiores. Nas candidaturas deste ano, 66 cursos ficaram sem alunos.

Perante este dado, Nuno Crato afirma que o Governo vai agir. "Este ano e no ano passado já tomámos medidas para evitar que cursos que apenas tinham 10 alunos reabrissem, tivemos em conta a empregabilidade e a procura dos cursos e agora vamos ter que, depois de conhecidos os resultados da segunda e terceira fase, voltar a tomar medidas nesse sentido", disse Nuno Crato durante uma visita à escola secundária da Moita, no distrito de Setúbal.

O governante diz que as instituições, no âmbito da sua autonomia, também têm trabalho a fazer. "Cabe aos reitores, aos presidentes dos politécnicos e aos conselhos gerais de escolas repensar também a oferta que estão a proporcionar."

Durante a visita à escola secundária da Moita, Nuno Crato tinha à sua espera um grupo de professores contratados que estão no desemprego. O protesto foi encabeçado por Mário Nogueira, da Fenprof.

fonte:http://rr.sapo.pt/i

publicado por adm às 22:50 | comentar | favorito